Comidinhas do Paraná

Durante esse tempo de quarentena que estamos vivendo, temos sentido muita falta de poder turistar por aí e viver novas experiências. Já são 86 dias em isolamento social. Nossa vida mudou completamente, como a de milhares de pessoas no mundo inteiro. Para matar um pouquinho a saudade dos lugares que passamos, resolvemos preparar em casa algumas receitinhas de comidas do Paraná e vamos compartilhar com você essa experiência.

Pinhão
O pinhão faz parte das comidas do Paraná

Quando viajamos pelo Paraná, a gente não encontra muito do que é chamado comumente de comida típica paranaense. A gente encontra muita diversidade de coisas deliciosas para comer. Certo é que, ao retornar de alguns lugares que já visitamos, voltamos com saudades daquilo que comemos por lá.

Pode até ser que algumas dessas delícias sejam encontradas em outras cidades e regiões do Brasil. No entanto, todas as comidinhas que vamos trazer neste post, conhecemos durante nossas viagens pelo Paraná e deixaram elas ainda mais especiais.

Pastel de pinhão comida do paraná
Pastel de pinhão

Neste post vou compartilhar com vocês as comidinhas que experimentamos pelo Paraná e que ficaram para sempre em nossa memória nos deixando com vontade comer novamente. São justamente as receitas dessas comidinhas que estarão na nossa série de lives do Instagram durante as próximas semanas.

1) Pastel de Pinhão

Na primeira live da série Comidinhas do Paraná preparamos um pastel de pinhão. Experimentamos essa delícia em Curitiba quando visitamos o Mercado Municipal da cidade durante o encontro de Blogueiros de Viagem da RBBV

.

Pastel de pinhão comida do Paraná
Pastel de pinhão com carne seca no Mercado Municipal de Curitiba.

Pinhão, a alegria dos paranaenses

O pinhão é uma das delícias que a gente encontra pelo estado do Paraná entre os meses de abril a junho. Antes, tinha apenas comido pinhão cozido. Depois que experimentamos o pastel com pinhão, experimentamos também ele refogado. Agora, a vontade, é conhecer ainda outros preparos. E pelo que estive pesquisando, existem várias receitas…eba!! A desvantagem é que a safra do pinhão é pequena, portanto o “bem dito” acaba sendo um artigo menos acessível.

Mercado Municipal de Curitiba – cheio de delícias.

O pinhão é um fruto das Araucárias que estão espalhadas por diferentes regiões do Estado, entretanto, não é apenas no Paraná que ele é encontrado. As Araucárias são árvores nativas do Brasil e estão presentes com maior frequência por todo o sul do país, mas também nas regiões mais altas de Minas Gerais e São Paulo. Confesso que fiquei surpresa, quando vi essas belas árvores em Minas Gerais.

Comida do Paraná
Araucárias em Mauá da Serra no Recanto do Pinhão.

Com o desmatamento, as Araucárias quase deixaram de existir, por isso estão ameaçadas de extinção e o corte de árvores nativas é proibido. Existem projetos que visam o incentivo de plantio da árvore, que é muito importante para o equilíbrio ecológico. Além de nós seres humanos fazermos uso de seu fruto, muitas aves se alimentam dele também.

Assista a Receita

Para assistir todos os detalhes e dicas para o preparo, é só assistir o vídeo abaixo. Lembre-se de se inscrever no canal para não perder nenhum vídeo.

No instagram também deixamos algumas dicas para descascar o pinhão. Se quiser ver é só entrar nos destaques do perfil e procurar por “COMIDINHAS”.

Comida do Paraná
Pastel de Pinhão que fizemos durante a live.

Ingredientes e passo a passo

  • Massa de pastel
  • 500 gramas de Pinhão Cozido
  • 200 gramas de Carne seca
  • 1 colher de Manteiga (sopa)
  • Meia cebola picada (tamanho médio).
  • Mussarela

PASSO A PASSO

  • Primeiro você precisa dessalgar a carne seca (colocamos a carne na água e trocamos a água de 2 em 2 horas. Fizemos esse processo três vezes.
  • Cozinhe a carne seca na panela de pressão por pelo menos 40 minutos. Depois desfie a carne.
  • Cozinhe o pinhão na panela de pressão por 40 minutos. Depois, descasque e pique-o em quatro pedaços (no instagram falamos um pouco sobre as maneiras de descascar o pinhão – está nos destaques “Comidinhas do Paraná”.)
  • Agora é hora de refogar os ingredientes que serão o recheio do pastel.
  • Coloque a manteiga em uma panela, refoque meia cebola de tamanho médio.
  • Acrescente o pinhão cortado e mexa.
  • Depois que tudo estiver bem refogadinho, coloque a carne seca desfiada.
  • Não é preciso temperar este recheio.
  • Monte os pastéis do tamanho que você preferir.
  • Coloque primeiro a mussarela e depois o recheio refogado por cima.
  • Frite.
  • A melhor hora: comer 🙂 .

2) Torta de Aveia – Colônia Witmarsum

A próxima receita é da maravilhosa Torta de Aveia que comemos na Colônia Witmarsum em Palmeira e é de tradição alemã. Já estivemos algumas vezes por lá e contamos aqui no blog: “O que fazer na tranquila Colônia Witmarsum“.

Comida do Paraná
Torta de Aveia que comemos na Colônia Witmarsum

A torta de aveia é uma das comidas do Paraná mais queridinhas por nós do Turistando Pelo Paraná. É uma daquelas delícias que a gente come e sempre que pode, retorna ao local para comer novamente.

Desta vez, vamos aprendemos a fazer a receita durante a live e compartilhamos com vocês. Tivemos uma convidada especial para nos ensinar. Foi a minha sobrinha, Elen Silveira. Nós já estivemos na Colônia juntas algumas vezes. Além de gostar muito de viajar, ela manda bem na cozinha e adora aprender novas receitas. Aprendeu a fazer a torta de aveia e agora vai nos ensinar.

Assista a receita

Ingredientes e passo a passo

MASSA

  • 2 xícaras de chá de farinha de trigo.
  • 1 xícara e meia de aveia em flocos finos.
  • 2 xícaras de açúcar refinado.
  • 2 ovos.
  • 8 colheres de sopa de manteiga.

RECHEIO

  • 3 latas de leite condensado.
  • 2 colheres de sopa de manteiga.
  • 2 colheres de trigo.
  • 400 gramas de chocolate meio amargo.

PASSO A PASSO

  • Colocar em um recipiente todos os ingredientes da massa e misture bem, mexendo com as mãos até formar uma massa.
  • Depois, unte uma assadeira com manteiga e espalhe a massa dentro. É bom usar uma assadeira de tamanho médio.
  • Coloque para assar em fogo baixo. Deixe em torno de 15 minutos. Verifique se a bordinha da massa está tostadinha e retire do forno.
  • Enquanto a massa estiver assando, vamos preparar o creme.
  • Em uma panela, coloque a manteiga, o leite condensado e a farinha de trigo, mexa bem antes de ligar o fogo. Depois, deixe em fogo baixo e mexa sempre. (Se quiser fazer no microondas, também dá: misture os ingredientes, antes de colocar no microondas, a cada trinta segundos, mexa.
  • O ponto do creme é parecido com um brigadeiro branco.
  • O creme deve estar desgrudando da panela.
  • Agora é hora de derreter o chocolate meio amargo.
  • Agora é hora de montar a torta: Distribua o creme em cima da massa assada, depois coloque o chocolate derretido. Deixe o chocolate endurecer. Colocamos na geladeira
  • Para desenformar a torta é preciso passar a faca nas bordas da assadeira. Virar a assadeira de ponta cabeça em cima de uma superfície limpa.
  • Cortar os pedaços de torta e bora comer. Você pode guardar a torta dentro de um recipiente com tampa na geladeira.

Dica: Se você preferir uma torta menos doce, diminua a quantidade de açúcar da massa e de leite condensado do recheio. Nós fizemos isso, nas outras vezes que preparamos a receita e para o nosso gosto ficou mais suave e gostamos mais.

3) Bitterballen / Croquete Holandês – Carambeí

A próxima comidinha que vamos compartilhar com vocês, conhecemos na cidade de Carambeí, que fica a aproximadamente 20 km de Ponta Grossa. Por lá, fica uma colônia holandesa onde a gente pode visitar o Parque Histórico de Carambeí, passear pelas tranquilas ruas da colônia e também comer algumas delícias como o Bitterballen.

Parque Histórico de Carambeí

Quem nos ensinou a receita dessa comida do Paraná, foram os amigos Cynthia e Jefferson, que também amam uma aventura e pilotam o fogão nas horas vagas. Eles também visitaram Carambeí, amaram o passeio e reproduziram a receita do Bitterballen em casa.

Assista a receita

Ingredientes e passo a passo

MASSA

  • 400 gramas de carne bovina desfiada.
  • 5 colheres de margarina ou manteiga (sopa).
  • 1 xícara e meia de farinha de trigo.
  • 700 ml de caldo de carne (usamos o que cozinhamos a carne).
  • 1 colher de cebola picadinha (sopa). – 1 colher de salsinha picadinha (sopa).
  • 1 colher e meia de sal (café).
  • Pimenta do reino à gosto.

FINALIZAÇÃO DO BITTERBALLEN

  • 1 xícara de farinha de trigo
  • 2 ovos
  • 1 xícara de farinha de rosca.

PASSO A PASSO

  • Cozinhe a carne bovina em uma panela de pressão. Coloque bastante água para sobrar um caldo no final do cozimento, que será usado para fazer a massa. Nós temperamos a carne com sal, pimenta e muita cebola.
  • Desfie a carne.
  • Coloque a manteiga ou margarina em uma panela e deixe derreter.
  • Acrescente a farinha de trigo aos poucos e vá mexendo, formando uma espécie de farofinha.
  • Depois que colocar toda farinha, acrescente o caldo de carne e mexa o tempo todo.
  • Quando formar uma massa mais homogênea, coloque a cebola picada e mexa.
  • Depois, acrescente a salsinha picada, mexa.
  • Coloque o sal e a pimenta.
  • Por último a coloque a carne desfiada.
  • Mexa até a massa desgrudar da panela.
  • Colocar a massa em um recipiente, cobrir com plástico filme e deixar na geladeira por no mínimo 3 horas.
  • Depois desse descanso, formar os croquetes e empanar.
  • Primeiro passar pela farinha de trigo, depois no ovo e por último na farinha de rosca.
  • Após ter todos os croquetes prontos, coloque-os na geladeira por mais uma hora.
  • Para fritar, use uma panela pequena e deixe os croquetes cobertos totalmente no óleo.
  • Frite no máximo quatro croquetes por vez, para evitar que eles quebrem.
  • Agora, finalmente é hora de comer 🙂 .
Bitterballen que fizemos em casa.

Além dessas receitinhas de comidinhas, outra virão. A medida que as lives forem acontecendo vou atualizando aqui 🙂

Até a próxima!

Keila Kubo

Deixe uma resposta

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo
%d blogueiros gostam disto: