Cachoeira Chicão II em Faxinal

9 Cachoeiras em Faxinal pra você se aventurar.

Faxinal é uma cidade do interior do Paraná que possuí mais de 100 cachoeiras catalogadas. Portanto, é uma ótima opção de lugar para se aventurar por muitas trilhas e explorar as belezas naturais do estado.

Apesar de tantas cachoeiras catalogadas, apenas algumas delas são abertas a visitação. Nós nem chegamos a conhecer todas, motivos não faltam para retornar. Mas, neste post compartilhamos com você quais visitamos, onde dormimos e comemos na cidade.

Importante: nossa última ida para Faxinal foi em abril de 2019. Antes de ir pra lá, consulte as propriedades e os guias antes, pois por conta da realidade atual da pandemia, pode ser que algum serviço ou local não esteja funcionando.


Cachoeiras de Faxinal que visitamos


1. Cachoeira da Fonte

Essa cachoeira tem aproximadamente 52 metros de altura e sua queda d’água forte e veloz nos impressionou quando a visitamos. A Cachoeira da Fonte é do tipo contemplativa, já que não é recomendado nadar até a sua queda devido ao refluxo formado em seu poço profundo.

Cachoeira da Fonte no Sítio Santo Antônio em Faxinal.
Cachoeira da Fonte no Sítio Santo Antônio.

A trilha para chegar até lá é em solo natural mas, curta. A partir do trecho que entramos na mata, andamos em torno de 350 metros. Antes deste trecho, há ainda outra pequena distância que precisa ser percorrida, onde é possível chegar de carro.

Nós fomos caminhando porque era isso que queríamos fazer: ter o máximo de contato possível com o ambiente. Mas, para quem por algum motivo quiser caminhar menos, tem essa vantagem. Raramente encontramos cachoeiras que tenham trilhas com pequenas distâncias.

Cachoeira da Fonte em Faxinal
Caminhada para a cachoeira da Fonte em um belíssimo dia de sol.

A taxa para visitar a cachoeira é de R$ 20,00 por pessoa. Com café rural, a taxa fica em R$ 30,00. Quando fomos pra lá, no café era incluído pão caseiro, queijo fresco, geleias e suco de morango.

Há ainda uma estufa de morangos onde pudemos colher e pagar por quilo. Uma delícia!!!

Colhe e pague de morango no Sítio Santo Antônio.

A visita à cachoeira ficou ainda mais gostosa com o cafezinho e com os morangos. Sem falar na simpatia da família anfitriã, que sempre quando tinha um tempinho disponível, sentava para bater um papo com a gente.

Sítio Santo Antônio em Faxinal.
Área para o café rural no Sítio Santo Antônio.

2. Cachoeira Chicão I em Faxinal

Nós fomos para lá sem guia, apenas com as informações que o pessoal do Sítio Santo Antônio nos passou. Por isso, não foi tão difícil chegar por causa dessas informações. Mas, não há nenhuma placa de sinalização.

Cachoeira Chicão I em Faxinal.
Cachoeira Chicão I tem aproximadamente 28 metros de altura e 40 de largura.

O que facilitou também é que por ser em um dia de domingo, havia outras pessoas que também estavam visitando a cachoeira, assim conseguimos identificar onde seria o início da trilha para descer até a sua base.

Como não sabíamos ao certo qual era o caminho de acesso para a base, fomos procurando a trilha e andamos em alguns momentos pelas pedras da cachoeira.

Porém, não recomendo isso para ninguém. Achei muito perigoso. Inclusive, vi algumas pessoas se arriscando a descer com crianças no colo. Fiquei apreensiva! O ideal é ir com alguém que já conheça o local para saber por onde acessar a base com segurança.

No fim conseguimos chegar até a base da cachoeira e resolvemos entrar na água, nos sentando nas pedras pra tomar uma ducha. Entretanto, não fomos muito felizes, pois fomos surpreendidos por pequenos sanguessugas.

Mudamos os planos, saímos da água e nos sentamos às margens do rio para apenas ficar contemplando e ouvindo o som da correnteza das águas.

  • Para visitar esta cachoeira não é necessário pagar taxa.

3. Cachoeira Chicão II

Visitamos esta cachoeira no mesmo dia em fomos na Cachoeira Chicão I, afinal elas ficam no mesmo rio. Podemos dizer que uma é a continuação da outra.

Cachoeira Chicão II em Faxinal.
Ao lado da cachoeira tem uma prainha com areia.

No entanto, a trilha para acessar a Chicão II é mais difícil, já que apresentava mais obstáculos e era mais escorregadia. É uma trilha raiz, como se diz no mundo dos trilheiros.

Recomendo ir com um guia, principalmente se nunca tiver ido. Como disse antes, nós fomos sem um, mas teria sido bem mais fácil e seguro se estivéssemos acompanhados.

O que mais nos surpreendeu ao chegarmos próximos da base da alta e bela cachoeira, foi o fato de ter uma prainha com areia e uma parte rasa onde conseguimos entrar na água.

Cachoeira Chicão 2 em Faxinal
Bela paisagem na Cachoeira Chicão II.

Não é recomendado nadar até a queda d’água pelo mesmo motivo que na cachoeira da Fonte: o poço é fundo e forma refluxo…um perigo! Então, para só aproveitar a vibe da cachu, o melhor é estar preparado para um piquenique e aproveitar as partes mais rasas.

Tanto na cachoeira Chicão I como na II não tem nenhum tipo de infraestrutura, ou seja, por perto não tem banheiros local pra consumir alguma coisa.

Portanto, é preciso levar tudo o que você for precisar usar. O mais importante: trazer todo o seu lixo de volta com você ao final de seu passeio.

  • Não é preciso pagar taxa para visitar essa cachoeira.

4. Cachoeira Três Barras

A cachoeira Três Barras fica no interior do Balneário Raio de Sol e seu acesso é super fácil. Isso a torna uma ótima opção pra quem não tem condições de fazer uma trilha, mas tem muita vontade de curtir a vibração de uma cachoeira.

Nós nem chegamos a entrar na água, quando fomos pra lá. Apenas nos sentamos nas pedras e curtimos o som da cachoeira.

Cachoeira TrÊs Barras em Faxinal.
Cachoeira Três Barras.

Para visitá-la é preciso pagar uma taxa que dá direito a passar o dia no local, que tem piscina, banheiros e uma pequena lanchonete. Não sei dizer o que servem na lanchonete, pois nós apenas compramos um refrigerante.

5. Cachoeira Véu da Noiva em Faxinal

A Cachoeira Véu da Noiva foi a mais alta que visitamos durante nossa estada em Faxinal. Por conta de sua altura pôde ser vista de longe, enquanto caminhávamos até chegar a sua base.

Cachoeira Véu da Noiva em Faxinal
A Cachoeira Véu da Noiva tem mais de 100 metros de altura.

Nós conhecemos essa cachoeira durante uma rota feita com um guia da cidade. A rota levou o dia todo para ser percorrida e além dessa, conhecemos também a Cachoeira das Bromélias, Cachoeira Pernambuco e Cachoeira Gotas de Cristal.

Na aventura organizada e guiada pelo Bruno da Aventurbr, a caminhada até a base da Cachoeira Véu da Noiva tem em torno de 2 quilômetros (depois voltamos os 2 quilômetros caminhando novamente).

Parte da caminhada para a Cachoeira Véu da Noiva.

Andamos primeiro em uma estrada rural em um trecho com sombra, depois em trecho com sol, andamos também por um tempo em um pasto e por fim, adentramos finalmente uma trilha na mata fechada.

A trilha na mata é curta, mas tem inclinação, o que pode dificultar um pouco o acesso para pessoas com dificuldade de locomoção.

A cachoeira impressiona por sua altura e beleza, porém não tem formação de piscina natural. Por outro lado, é possível se sentar nas pedras (escorregadias) para se refrescar. Depois de uma boa caminhada foi um ótimo premio de consolação.

Cachoeira Véu da Noiva em Faxinal.
Banho refrescante na Cachoeira Véu da Noiva.

Para quem vai com criança, não dá pra ficar muito tempo por lá, principalmente se a criança não quiser se molhar. Pois, não tem muito espaço para ficar esperando e não dá pra deixar a criança à vontade, porque o local é inclinado.

6. Cachoeira das Bromélias em Faxinal

Conhecemos essa cachoeira durante a rota com a AventurBr. A cachoeira fica em propriedade particular e o acesso é por uma trilha curta e natural.

Cachoeira das Bromélias tem em torno de 20 metros de altura.

A entrada no local só é permitida com o acompanhamento de um guia.

7. Cachoeira Pernambuco

A cachoeira Pernambuco é bem pequenina, mas fica em uma área de mata mais fechada e bem fresquinha. É possível entrar na pequena piscina natural e se refrescar em dias quentes.

A trilha pra chegar até ela é curta e fácil. Também conhecemos essa cachoeira durante a rota que fizemos com a AventurBr.

8. Cachoeira Gotas de Cristal

Das cachoeiras que visitamos com a AventurBr, a Cachoeira Gotas de Cristal foi a que mais me encantou, pois além de sua beleza, foi a que achei melhor para ir com crianças.

As gotas que caem realmente parecem de cristal e formam um belo cenário.

Pena que, como essa foi a última cachoeira que visitamos durante o dia de passeio, o Léo acabou dormindo e ficou no carro com minha sogra. Eles acabaram perdendo a oportunidade de sentar e relaxar ao som das águas dessa cachoeira.

Cachoeira Gotas de Cristal em Faxinal
A cachoeira forma uma pequena piscina natural de águas cristalinas.

9. Cachoeira do Rio São Pedro em Faxinal

A Cachoeira do Rio São Pedro fica localizada no Hotel Fazenda Luar de Agosto. É uma cachoeira bonita e alta. Mas, não dá pra entrar embaixo para se refrescar.

Por outro lado, só de chegar perto a gente já sente as gotas de água que caem, por conta da força das águas que descem em grande quantidade. É uma delícia, ficar por ali, observando e sentindo o frescor do ambiente.

Essa foi a primeira cachoeira que conhecemos em Faxinal. Inclusive já tinha falado sobre esse lugar em um dos post mais queridinhos aqui do blog onde dou dicas de sete lugares para curtir e que ficam próximos de Londrina.

Importante: Ir a cachoeiras é algo absolutamente incrível. Mas, existem uma série de cuidados que são necessários para que o passeio não vire dor de cabeça. Assista ao vídeo em que falamos sobre segurança nas cachoeiras.


É fácil chegar às cachoeiras de Faxinal?


Todas as cachoeiras ficam na área rural da cidade e são afastadas uma das outras. Para quem não conhece a região fica difícil encontrar cada lugar.

Claro que o uso do GPS facilita muito, principalmente nos locais que já são mais estruturados, como é o caso do Hotel Fazenda Luar de Agosto, Sítio Santo Antônio e Balneário Pôr do Sol.

Em um dia por faxinal conhecemos 4 cachoeiras diferentes.

Entretanto, a maioria das cachoeiras não aparecem no mapa. Outro detalhe, é que não há sinalização que facilite a localização das cachoeiras. Consequentemente só consegue chegar até elas, quem já sabe onde ficam ou quem tem informação de algum morador da região.

De qualquer maneira, a forma mais segura e prática de visitar a maioria das cachoeiras é com o acompanhamento de um guia da região. Além de os guias saberem o caminho, conhecem as peculiaridades de cada local, inclusive os seus perigos.

Cachoeira Três Barras.

Inclusive, todas as cachoeiras que fomos com a AventurBr ficam dentro de propriedades privadas que só permitem o acesso se estiver acompanhado de um guia.

Já faz algum tempo que nós optamos por não fazer trilhas sem o acompanhamento de um guia. Falei sobre isso neste texto: Como continuar fazendo aventuras mesmo depois de ter filhos.

Para entrar em contato com o Bruno da AventurBr, clique aqui.


Onde Dormir em Faxinal?


A infraestrutura da cidade é muito simples. Mas, para quem curte contato com a natureza e não está procurando luxo, vai ficar bem por lá.

Nós já ficamos em três lugares diferentes:

Hotel Fazenda Luar de Agosto

O hotel Fazenda tem opção tanto pra quem quer ficar em Camping quanto pra quem quer um quarto. Nós já tivemos as duas experiências.

A área do camping é grande, com um gramadão e árvores ao redor. Tem banheiros e quiosques para quem quiser reservar. No quiosque tem pia e área para churrasqueira. Mas, a estrutura era bem simples e antiga (faz bastante tempo que ficamos por lá).

Tem mais de uma opção de quarto e nós ficamos no que era o mais barato, na época. Já faz muito tempo e não sei dizer qual é a real situação deles agora. A lembrança que tenho é de que tudo era muito rústico e simples.

Camping da Estância Império Pura Pedra

Império Pura Pedra em Faxinal
Estância Império Pura Pedra.

O camping fica em uma área alta, de onde é possível ver a cachoeira do Rio São Pedro. É uma visão encantadora! Foi bem legal amanhecer por ali.

Quando fomos pra lá, chegamos à noite, montamos nossas barracas e já fomos dormir.

Estância Império Pura Pedra em Faxinal
Piscina com Visão para a Cachoeira São Pedro.
  • No local tem quiosques com churrasqueira, pia com torneira, mesa, bancos e ponto de energia elétrica. Pode ser usado tanto por quem quer passar apenas o dia por lá, como por quem está acampando.
  • Havia dois banheiros com chuveiro elétrico.
  • Tem piscina, que no fim nós nem usamos, porque estava meio friozinho no horário que estávamos por lá.
  • Senti falta de árvores no local. Em dias muito quentes, é muito bom ter árvores que possam fazer sombra, principalmente quando se está acampando.

Contato: clique aqui para falar com a Estância Império Pura Pedra.

Camping do Sítio Santo Antônio

Sítio Santo Antônio em Faxinal.
Sítio Santo Antônio.

Já acampamos duas vezes no Sítio Santo Antônio. A área do camping é pequena, mas bastante agradável, pois tem bastante sombra.

  • Por enquanto, tem apenas dois sanitários e um banheiro com ducha que ficam próximos a casa sede, afastado da área de camping.
  • Eles estão construindo mais banheiros, churrasqueiras e colocando mais pontos de luz.
  • De acordo com a proprietária o espaço está com mais áreas para camping.
Sítio Santo Antônio em Faxinal
Área de camping do Sítio Santo Antônio.

Nossa última ida ao local aconteceu em abril de 2019. O local tem sido bastante frequentado. Se quiser acampar com sossego é melhor perguntar como estará a lotação.

Na primeira vez que fomos pra lá, tinha poucas pessoas e por sorte os campistas eram bem tranquilos, assim como a gente.

Área de Camping do sítio Santo Antônio em Faxinal
Área de camping no Sítio Santo Antônio.

Mas, infelizmente na segunda ida, o local estava mais cheio e com campistas que estavam mais interessados em fazer baladinha do que curtir a vibe da natureza. Aí a noite acabou sendo meio desagradável.

Nós que curtimos acampar com tranquilidade e sossego, voltaremos outras vezes, quando o número de pessoas for menor. Eu fugiria dos feriados, principalmente.

Apesar disso, gostamos muito de ter ficado lá. Os proprietários são super simpáticos e tentam fazer de tudo pra que a gente se sinta à vontade.

Contato: clique aqui para falar com o Sítio Santo Antônio.


Onde comer em Faxinal?


Sítio Santo Antônio

Na maioria das vezes que fomos pra Faxinal nós almoçamos ou jantamos no Sítio Santo Antônio, onde servem uma comida caseira e deliciosa.

Tudo é preparado com os produtos que eles têm a disposição, produzidos no sítio mesmo ou adquiridos em algum vizinho rural. Tudo muito fresquinho!!

Comida caseira no Sítio Santo Antônio.

Normalmente, para comer por lá é preciso fazer agendamento. No entanto, por enquanto, devido a pandemia, não estão servido refeições. Apenas o café rural.

Quando tiver oportunidade, experimente o Porco na Lata, que é preparado com carne de porco caipira e armazenado por no mínimo 30 dias em uma lata de alumínio. O resultado é uma carne saborosa e muito molinha.

Porco na Lata em Faxinal
Porco na Lata.

Onde Fica Faxinal?


Faxinal fica na região turística Vale do Ivaí no Paraná, aproximadamente 100 km de Londrina e 340 de Curitiba.

Conhece Faxinal? Quais outras cachoeiras você acha que vale a pena conhecer por lá? Conta pra gente na caixinha de comentários.

*** A última vez que estivemos na cidade foi em abril de 2019.

*** Antes de viajar entre em contato com os estabelecimentos. A maioria está recebendo apenas com agendamento prévio.

Deixe uma resposta

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo
%d blogueiros gostam disto: