Conheça os atrativos turísticos de Sengés (PR) e Itararé (SP).

É com muito prazer que venho compartilhar com você esse destino maravilhoso que possui atrações naturais em cidades do Paraná e São Paulo: o Vale do Jaguaricatu, em Sengés e o Vale do Itararé, em Itararé e que se localizam na divisa entre os dois estados.

Já fazia pelo menos um ano que eu sabia da existência desse lugar tão rico em belezas naturais e finalmente fomos lá conhecer. A região conta com diversos atrativos e para o post não ficar tão longo vou fazer uma série sobre o assunto.

BArreira_vale do Itararé

Nós passamos três dias por lá e eu só posso dizer que foi incrível! Dias cheios de descobertas, aventuras, novas amizades e encantos. E aí, tá pronto pra conhecer mais esse cantinho do Paraná com uma esticadinha em São Paulo? Então, vamos lá!

Ao planejar nossa ida à região, percebemos que a cidade melhor preparada para receber os turistas é Itararé, pois tem mais opções de hospedagens, restaurantes e lanchonetes. Então, optamos por ficar lá.

No nosso primeiro dia na região fizemos dois passeios:

Parque Ecológico da Barreira em Itararé

Além de ser um passeio cheio de atrativos naturais lindos e curiosos, também é um passeio com muita história envolvida, pois o Parque foi palco da Revolução Constitucionalista de 1932.

Parque da Barreira_Vale do Itararé.JPG
Início da caminhada no Parque Ecológico da Barreira.

A entrada na Barreira (nome popular) é gratuita e o passeio pode ser feito com guia ou sem guia. Em caso de querer fazer com um guia, você deve contratá-lo antecipadamente, mas pelo que percebi, esse é um dos locais com acesso fácil para o turista chegar e fazer as trilhas sozinho. O legal de ter um guia é poder conhecer melhor os detalhes sobre o lugar.

Parque da Barreira_Vale do Itararé_Itararé
Brechão das Andorinhas.

Ao entrar no Parque nós fomos em direção ao Brechão das Andorinhas. Um lugar muito interessante em que podemos ver o paredão de arenito em volta do Rio Itararé que dividi o Paraná com São Paulo. Ali podemos contemplar de um lado a calmaria e do outro a agitação das águas do rio.

O nosso guia disse que ao amanhecer, centenas de andorinhas saem de seus ninhos voando, o que forma uma bela visão da natureza em plena atividade. Outro momento incrível é quando elas retornam ao entardecer. Nós não tivemos a sorte de vislumbrar isso. Então, uma dica é tentar organizar o horário para curtir um desses momentos, pois deve ser show.

Gruta de Itarar-e_Vale do Itararé
Gruta da Santa.

O passeio completo inclui algumas trilhas curtas e de nível fácil. Claro que nós optamos por fazê-las, já que esse seria um dos poucos dias em que faríamos trilhas de caminhada.

Parque da Barreira_Vale do Itararé_

O dia estava maravilhoso com um céu incrível. Perfeito para fazer uma trilha em um lugar tão lindo. A trilha do Chuveirinho leva à uma pequena queda d’água, que realmente parece um chuveiro. E mesmo estando frio nos despertou uma vontade de entrar embaixo dela. Mas, ficamos só na vontade… 🙂 Não estávamos preparados pra isso.

trilha da Cachoeira do Chuveirinho_Barreira_Vale do Itararé

Se você for visitar essa região no calor, vá preparado para se molhar, principalmente se gosta de entrar embaixo de quedas d’agua. O Chuveirinho é realmente convidativo. Depois de uma caminhada, certamente o calor vai bater e o desejo de se refrescar será forte.

Cachoeira Chuveirinho_vale do Itararé.jpg
Chuveirinho

A caminhada continuou em direção à trilha do Pontilhão, onde existe a estrutura de ferro de uma antiga ponte de trem que viajava entre São Paulo e o Paraná.

trilho do trem_vale do Itarare_barreira
Antigamente o pontilhão era de madeira, mas um acidente ocorreu quando ele pegou fogo fazendo com que um trem em movimento caísse no vale.

O pessoal costuma andar por cima das ferragens. Porém, eu achei perigoso demais! Não recomendo, pois não há equipamentos de segurança. Mas, a visão é linda!!

trilho do trem_vale do Itararé
Uma paradinha estratégica para contemplar e descansar.

A cada passo que a gente dava mais encantado ficava. A região é extremamente maravilhosa! A minha dica é reservar pelo menos um período inteiro para passar na Barreira. Assim, dá pra aproveitar melhor. Lá você pode encontrar diversos espaços para fazer um belo pic-nic em meio a natureza.

trilha_vale do Itararé_parque da Barreira
Trilha do Pontilhão.

Nós conseguimos andar por todo o Parque em no máximo 2 horas. Contando com as paradinhas para contemplar, fotografar e descansar.

Vale do Itararé_parque da Barreira

A Barreira ainda tem uma pequena exposição de animais empalhados que ficam na parte receptiva do Parque. Estando aberta, dê uma passadinha por lá, principalmente se estiver com crianças, pois são animais selvagens que encantam a criançada.

Barreira_Itararé_Animais empalhados.JPG

No dia que fomos ao parque eles estavam plantando algumas mudas de árvores e os visitantes foram convidados a participar desse momento. Nós também plantamos a nossa. 🙂

Vale do Itararé_Barreira

O Parque fica na Rodovia Francisco Alves Negrão no estado de São Paulo. Saindo de Itararé em direção ao Paraná. É bem fácil de chegar. Se você precisa ou quer economizar, nesse passeio é possível deixar o guia de lado. O trajeto da nossa pousada para o Parque foi de apenas 2,7 metros.

barreira_mapa_Itararé

Vale do Corisco em Sengés

Após a nossa visita à Barreira seguimos para conhecer o Vale do Corisco, que fica à 12 km de lá. Quase todo esse trajeto é feito em estrada de terra, sendo tranquilo de fazer mesmo com um carro de passeio, como o nosso.

Sengés_Corisco_Paraná
A linda e majestosa Cachoeira do Corisco. Se você for com um guia ao local pergunte sobre a emocionante e romântica história que está por trás dessa cachoeira.

O Vale do Corisco fica em uma propriedade particular que tem impedido os turistas de fazer a visita. Quando fomos pra lá, ainda não estava definido se o local ficaria aberto ou fechado permanentemente. Nós conseguimos entrar, pois estávamos com o guia. Espero que esse dilema seja resolvido o quanto antes e que eles possam abrir a visita para todos, pois a paisagem é realmente maravilhosa.

IMG_6356.JPG
Do lado esquerdo do rio Itararé é o estado de São Paulo e do lado direito é o Paraná.

Se houver a possibilidade de você visitar o Vale do Corisco, leve água e um lanche no mínimo, principalmente se quiser passar um tempinho maior por lá apreciando a natureza. Se sentir sede ou fome não encontrará nenhum estabelecimento por perto.

vale do Corisco_Sengés_vale do Itararé.jpg

Quem nos guiou durante nosso passeio foi o Riveli que cobrou R$ 150,00 a diária  (valor para grupos de até 8 pessoas). O número para contato: (15) 991829344 (whatsapp). Outro contato é o Marcio (que foi super simpático, nos deu diversas informações e indicou o Riveli, pois não estaria na região quando fomos pra lá): (15) 996143029.

VAle do Corisco Sengés

Nosso primeiro dia no Vale do Itararé já nos deixou encantados. Mas, muito nos esperava ainda nos próximos dias. Acompanhe o blog para conhecer outros atrativos dessa aventura que vivemos nesse lugar incrível.

Veja também o vídeo sobre esse dia de passeio, aqui.

Compartilhe este post com os amigos e vai combinando o mochilão. Siga – nos nas redes sociais e se inscreva no blog para ficar por dentro das novas postagens.

Até a próxima!

Keila Kubo

 

LEIA MAIS SOBRE SENGÉS/ ITARARÉ

Conheça os atrativos do Vale do Itararé: Trilha do Lumber e Canion Pirituba.

Conheça o Vale do Jaguaricatú: cachoeiras e um cânion de tirar o fôlego.

Onde comer e dormir na região de Sengés/ Itararé

 

LEIA SOBRE OUTROS DESTINOS: 

Dois dias em Ribeirão Claro: descanso, aventura e lindas paisagens.

Muitas aventuras, descobertas e hospitalidade em Sapopema.

Cinco lugares perto de Londrina, pra curtir nos próximos feriados.

 

6 comentários Adicione o seu

  1. Márcio kubo disse:

    Quero ir novamente. Tem outros pontos turísticos que ainda não conheci.

    Curtido por 1 pessoa

  2. gastrotrip disse:

    O Brasil tem tantas belezas naturais e merecem todo o reconhecimento pelo resto do mundo!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Concordo!! E nós também precisamos valorizar nossas belezas cada vez mais!! Obrigada pelo comentário!

      Curtido por 1 pessoa

  3. Mere disse:

    Quantas opções de atividades!!! Muito Lega!!!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Sim, é um lugar pra passar vários dias e talvez voltar depois, ainda…rsrs.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s